sexta-feira, 11 de dezembro de 2015

Paphiopedilum spicerianum


 
 
O Paphiopedilum spicerianum, apesar de ser relativamente vulgar em qualquer coleção, é extremamente belo e fácil de cultivar. É uma planta de pequeno porte, que tem a vantagem de poder ser incluída em espaços de reduzida dimensão.
 
Família: Orchidaceae        Género: Paphiopedilum      Espécie: spicerianum
 
Habitat natural: Espécie de pequeno porte, terrestre, por vezes litófila, que se pode observar numa parte da Índia e da China (Himalaias), no Butão e na Birmânia, nas encostas rochosas, entre os 300 e os 2000 metros de altitude.
 
Cultivo: Vaso pequeno com um substrato à base de uma mistura para orquídeas epífitas e para terrestres (casca de pinheiro grossa, argila expandida, perlite e matéria em decomposição - folhas, galhos...). 
Deve ser cultivado em local temperado, podendo mesmo suportar algum frio durante o Inverno, bem sombreado e com bom grau de humidade. Como não tem período de repouso, o substrato deve manter-se todo o ano húmido, não podendo nunca estar encharcado.
Fertilizar com doses de baixa concentração, uma a duas vezes por semana, sobretudo nas estações mais quentes e secas. Utilizo o adubo "AKERNE RAIN MIX".

https://www.facebook.com/americo.pereira.39904

Referências bibliográficas: Internet Orchid Species Photo Encyclopedia

4 comentários:

  1. Respostas
    1. Simone esta espécie aprecia climas mais frescos.
      Abraço

      Eliminar
  2. Este, sem dúvida um dos mais belos que já postou (a meu ver); parabéns e grande abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Jalo,também considero este um dos mais belos, apesar da sua simplicidade.
      Um abraço

      Eliminar