quarta-feira, 21 de janeiro de 2015

Maxillaria dillonii


 


Esta é uma das espécies deste género mais bonitas, de flores mais vistosas e relativamente grandes. Não sendo de difícil cultivo, não é contudo muito fácil de a podermos encontrar no mercado, a não ser em algumas exposições internacionais.
Família: Orchidaceae          Género: Maxillaria         Espécie: dillonii
Habitat natural: Podemos observar  a M. dillonii, como planta de médio porte, em montanhas de média altitude, húmidas e chuvosas, do Peru. Normalmente desenvolve-se de forma epífita.
Cultivo: Está cultivada num vaso médio, com substrato para epífitas, de média a pequena granulometria, à base de casca de pinheiro, cortiça, argila expandida e perlite. Tenho-a, o ano todo, em zona de sombra, com boa luminosidade, sendo a estufa aquecida no Inverno. Não é conveniente ter temperaturas muito abaixo de 10º, sobretudo se for por períodos prolongados de tempo. O substrato encontra-se sempre húmido e só aplico fertilizações nas estações mais quentes do ano, que coincide com a fase de desenvolvimento da planta.

6 comentários:

  1. Muito apreciável: labelo, pétalas e sépalas se conjugam igualmente e formam uma bela flor. Parabéns, as suas maxilarias tem nos surpreendido. Abraço.

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Jalo, eu também estou surpreendido com a sua beleza, no seu conjunto. É a primeira floração desde que a adquiri.
      Um abraço

      Eliminar
  2. Diferentes... linda e barroco. Parabéns Américo. Um abraço

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Obrigado Angel, pela visita e pelo comentário.
      Um abraço

      Eliminar