quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Lc. Tropical Pointer 'Cheetah' HCC/AOS

 
 
Há cerca de dois anos, numa divisão de uma planta deste belíssimo e premiado híbrido, decidi efetuar uma experiência, colocando uma das mudas num substrato 100% brita (granito azul com 2/3 cm), a fim de observar o comportamento desta.
Durante todo este tempo a planta teve um desenvolvimento muito bom e aqui está com a sua primeira floração, permitindo concluir que esta poderá ser uma boa opção, pelo menos para as espécies dos géneros Laelia e Cattleya. Usando este substrato apenas temos que ter em atenção o número de regas e fertilizações, pois estas deverão ser mais frequentes nas estações mais quentes e secas do ano. Contudo, a brita tem uma enorme vantagem ao não sofrer de qualquer tipo de degradação, ao longo dos anos, reduzindo, deste modo, a necessidade de mudanças da planta, a não ser quando o vaso já é pequeno para a mesma.

16 comentários:

  1. Que bela Américo. Só tinha visto qualquer rupicola Laelia também cresceu em 100% granito, é forte e saudável. Parabéns

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Angel,
      Está a ser uma experiência positiva. Obrigado pela visita.
      Um abraço

      Eliminar
  2. Américo, um show de planta,que saudável esta planta. parabéns
    abraços

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Elisabete,
      Ainda bem que gostou. Obrigado pela visita.
      Um abraço

      Eliminar
  3. Linda planta, eu particularmente acho formidáveis híbridos como este e também apreciei a forma de plantio, que vc nos apresenta; parabéns, abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Jalo,
      Este é um híbrido fantástico e o resultado obtido com esta forma de cultivo deu um bom resultado. Agora espero repetir a experiência com outras.
      Obrigado pela visita.
      Um abraço

      Eliminar
  4. Oi, Américo!

    Que interessante, adorei saber do sucesso desta forma de cultivo. De fato, as vantagens são inúmeras. Parabéns!

    Confesso que sou fã deste famoso híbrido premiado. O excelente aspecto da parte vegetativa e a belíssima floração atestam o êxito deste substrato. Muito bom!

    Um grande abraço!

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Olá Sergio,
      A experimentação é mais uma faceta interessante da orquidofilia e as orquídeas não param de nos surpreender com a sua capacidade de adaptação a novas circunstâncias.
      Este hibrido é já um clássico, mas também um dos meus preferidos.
      Um abraço

      Eliminar
  5. Gostei. Muito interessante. Que belíssima planta, tanto na firmeza das cores como no porte elegante e saudável.

    ResponderEliminar
  6. Oi Américo... tenho uma plantinha que ganhei... está muito judiada...nome ajuda a cuidar.preciso tirar muda...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Poderá cultivar sua orquídea em substrato com mistura de casca de pinheiro grossa e argila expandida (leca). Local com boa luminosidade, mas sem sol direto. Regar de forma a manter o substrato apenas ligeiramente húmido e fertilizar com adubo próprio para orquídeas.

      Eliminar