sexta-feira, 15 de outubro de 2010

Coelogyne fimbriata



Esta espécie de pequeno/médio porte floresce todos os anos no início do Outono, com cores pouco vulgares, sobretudo no labelo, com tons de castanho acentuado.
É originária do Nepal, China, Índia, Butão, Birmânia, Tailândia, Camboja, Malásia, Vietname e Laos, sendo avistada nas florestas, a cerca de 1500 metros de altitude.
Aprecia altos teores de humidade, devendo ser cultivada como uma orquídea epífita (com substratos com boa drenagem e arejamento ou em placas de cortiça), adaptando-se bem em ambientes temperados/frios.

2 comentários:

  1. Fiquei encantada com o seu Blogg, Parabéns!

    ResponderEliminar
  2. Embora as flores sejam parecidas, a planta e as flores de C. fimbriata são muitas vezes maior e mais rudes que as do pequeno e elegante Coelogyne ovalis.

    ResponderEliminar